A Black Friday é um evento de vendas que acontece no Brasil desde 2010, e que dessa data em diante ganhou muita força e reconhecimento. Mas você sabe quando é a Black Friday e como se preparar para o maior dia de vendas do ano?

Bem, esse evento acontece na 4ª Sexta-Feira de Novembro e as promoções duram 24 horas, tanto nas lojas físicas quanto nas lojas online. Talvez você esteja se perguntando “por que fazer isso em uma data que muda todo ano?”

Isso acontece porque onde surgiu a Black Friday (Estados Unidos) existia um período de queda muito forte no comércio. Esse tempo de baixa nas vendas sempre acabava depois do feriado de Ação de Graças que acontece toda 4ª Quinta-Feira do mês de novembro. O mercado se reaquecia e começava a temporada de compras de Natal. Foi assim que surgiu o nome.

Nos Estados Unidos esse evento já acontece desde a década de 90. O dia lá e tão conhecido e esperado que várias pessoas fazem acampamentos na frente das lojas.

Já no Brasil o negócio muda totalmente de lado, aqui o evento é voltado para o público online. Para você ter uma ideia, quando chegou no Brasil em 2010 o evento foi feito totalmente online.

Só agora que a Black Friday é mais conhecida no nosso país, é que as lojas físicas estão aderindo.

Dicas para o Lojista

Dicas para o consumidor

Como se preparar para a Black Friday? (Lojista)

Para você que quer entrar nesse evento como lojista, é necessário uma série de preparações para não fazer feio no dia. E não estou falando apenas de campanhas de marketing não. Existe muita coisa além disso.

De nada adianta você contar ao Brasil inteiro que vai participar da Black Friday, se ninguém consegue acessar o site no dia. Ou talvez o seu estoque acabe logo no começo e as pessoas fiquem furiosas.

Essa data é muito útil para você criar um relacionamento com os clientes e esquentar as vendas do ano inteiro. O simples fato de participar e de estar presente no site oficial da Black Friday já faz muita gente conhecer o seu negócio.

Então vamos ao que interessa, vou te dar algumas dicas essenciais para fazer bonito na Black Friday e garantir uma clientela fiel.

Estoque

É muito importante que você faça uma análise do seu estoque pelo menos 1 mês antes do evento. Assim terá controle dos produtos que estão fora de linha, produtos em liquidação, etc…

Com base nas informações do estoque, terá uma noção muito maior do que pode colocar nas promoções ou não. Você também deve fazer uma prévia de vendas para essa data.

Até mesmo quem já participou da Black Friday em outros anos, sabe que não há nenhum cálculo capaz de te ajudar a fazer um levantamento exato. Porém se estiver com uma boa campanha de marketing uma coisa é certa, suas vendas vão pelo menos dobrar durante as promoções.

Não tem nada pior do que receber produtos com atraso ou até mesmo não recebê-los. Então se você está oferecendo descontos em determinado produto, precisa garantir que terá estoque suficiente e que as entregas serão feitas no prazo.

Se a experiência de compra for ruim nesse dia, além de perder uma venda você pode perder um cliente e ganhar uma má reputação. Eu tenho certeza de que você não quer isso!

Dica: Vale muito a pena garantir um grande estoque, talvez até maior do que o necessário. Mesmo que você não venda tudo, as promoções de Natal devem começar em breve e você poderá usar o que sobrou.

Infraestrutura

Se tem uma coisa que vai afetar seriamente as suas vendas durante a Black Friday, será o desempenho do site e sua disponibilidade. A maior parte da experiência de compra está ligada a velocidade do site.

Pense comigo, se você não gosta de acessar um site lento, o seu cliente também não vai gostar. E se o site ficar lento o suficiente para fazer as pessoas abandonarem a página sem comprar nada? Ruim para as vendas e para a reputação da loja.

Se você já participou de alguma Black Friday antes, já tem uma noção do que acontece com os acessos e sabe quanto de recurso a mais vai precisar.

Se for a sua primeira vez no evento, recomendo que dobre os recursos do servidor durante as promoções, é o mínimo a se fazer. É também muito importante que o site esteja hospedado em um servidor que suporte um grande volume de acessos.

Atendimento

O atendimento é uma parte extremamente importante do e-Commerce, não só durante o evento, mas sempre. Logicamente você terá de reforçar a equipe de atendimento no período de promoções para facilitar as vendas.

Em dias normais o FAQ do site pode até ajudar a resolver algumas dúvidas, mas na Black Friday as pessoas querem agilidade. Então é preciso estar preparado para responder ao grande volume de perguntas rapidamente.

Procure explorar todos os meios de comunicação com os clientes que puder, por exemplo: Chat, Telefone, Facebook, Whatsapp… Assim pode atender mais pessoas e garantir mais vendas durante as promoções.

Com vários canais de atendimento, você dá mais comodidade para os consumidores. Isso influencia muito na decisão de compra. Sem falar que será muito bom para o relacionamento com o público-alvo do seu negócio.

Se você executar bem a parte do atendimento online, vai notar um avanço na reputação da marca e o aquecimento das vendas nos períodos seguintes.

Descontos

O foco da Black Friday são os descontos bem agressivos, e é justamente por causa deles que o evento faz tanto sucesso no País. Mas você precisa praticar descontos verdadeiros porque os consumidores estão super ligados em promoções falsas.

Nos últimos 2 anos várias lojas diziam participar do evento com descontos irresistíveis, mas na verdade as “promoções” eram: tudo pela metade do triplo. Os consumidores notaram isso rapidamente e a reputação das lojas foi a ZERO de um dia para o outro.

Mesmo com promoções reais não estou dizendo para reduzir os valores de todo seu estoque, pode não ser uma boa ideia. Estude os produtos que tem menos saída e os coloque com descontos maiores para que não fiquem “mofando” no armazém.

É muito interessante você usar seu produto estrela no Black Friday também, mas não com um super desconto como 80%, isso pode prejudicar os lucros.

Como será o produto que as pessoas mais conhecem, você pode colocar de 30% à 40% de desconto que será ótimo. Com isso você mantém uma margem de lucro razoável e vai garantir um grande aumento nas vendas.

Segurança

Você só compra online quando confia que a loja é verdadeira não é mesmo? Faça com que o seu e-Commerce desperte credibilidade nas pessoas com algumas coisas simples.

A segurança também tem grande parcela na decisão de compra e as primeiras coisas que o consumidor olha são: Certificado SSL, Consulta de CNPJ, Reputação no ReclameAQUI.

O Certificado SSL garante que a sua conexão é segura e que nenhuma informação importante será roubada, além disso, apresenta o cadeado verde ao lado do URL. Já a reputação no ReclameAQUI vai dizer muito sobre a loja como atendimento, tempo de entrega e integridade dos produtos.

A consulta de CNPJ é apenas para garantir que o seu negócio foi registrado corretamente. Fique ciente de que informações como CNPJ, Razão Social e endereço, devem estar presentes na página inicial do site, geralmente no rodapé.

Divulgação

Agora que a loja está totalmente preparada, chegou a hora de “botar a mão na massa” e começar as campanhas de marketing. Pois é a divulgação das promoções que vai alavancar as vendas.

Procure começar 30 dias antes do evento, assim você consegue criar campanhas com maior alcance e menor custo. Leve em consideração que os consumidores estão bem engajados com a Black Friday e compartilham as promoções que chegam até eles.

Fora o compartilhamento, você ainda dá tempo para as pessoas se prepararem financeiramente para o evento. Esse conforto estimula aqueles atingidos pela campanha a comprarem mais.

Onde divulgar?

Muito provavelmente essa seja a primeira pergunta que você faz ao pensar na divulgação para a Black Friday. Bom, nesse caso você deve explorar todos os meios possíveis para atingir seu público.

Caso tenha uma lista de e-mails, fale com as pessoas que já são seus clientes e informe sobre as promoções. Afinal de contas, esses consumidores já estão fidelizados e são muito mais propensos a comprar.

As redes sociais são ótimas aliadas nessa data e você consegue atingir pessoas semelhantes ao seu público-alvo. A rede social vai variar de acordo com o tipo de produto que você trabalha, mas disso você já deve estar ciente.

Divulgue também no seu próprio site, pode ser um banner na página inicial ou algum elemento que flutue na página junto com a navegação. Existem aqueles clientes que preferem não receber as suas newsletters mais ainda assim são fidelizados.

Uma dica muito legal é trabalhar com um layout promocional no site para caracterizar a data. Isso facilita muito a compreensão de que a Black Friday está chegando.

Como se preparar para a Black Friday? (Consumidor)

Você consumidor assíduo da internet provavelmente já conhece a Black Friday e talvez até tenha participado anteriormente. Mas sempre quer fazer o possível para aproveitar ao máximo as promoções não é mesmo?

Eu tenho certeza que sim, afinal de contas, todo mundo gosta de uma boa promoção. Então aqui vão algumas dicas para te deixar afiado para o maior dia de vendas do ano.

Cadastro antecipado

Faça o seu cadastro nas lojas que você já sabe que vão participar do evento antes do dia D, o simples fato de você já ter uma conta no sistema vai lhe poupar muito tempo durante as compras.

Como todas as lojas precisam de um cadastro para saber como cobrar pelo produto e para onde enviá-lo, é melhor fazer o quanto antes. Pense no trabalho que terá para completar o cadastro se a loja ficar lenta por causa da quantidade de acessos.

Pior do que isso seria você terminar o cadastro e perceber que o produto se esgotou, essa situação pode deixar qualquer um enfurecido.

Compare os preços

Parece óbvio falando assim, mas acredite, é uma etapa fundamental para determinar aonde você vai comprar e qual loja é fraudulenta.

Existem muitas lojas que anunciam as promoções até 30 dias antes, principalmente se o lojista leu as dicas que passei para ele nesse artigo.

Aproveite essa antecedência para conseguir o máximo de produtos em diferentes lojas que puder. Isso vai facilitar muito a sua pesquisa de preço e te deixa bem mais tranquilo na hora de comprar.

Lista de desejos

Crie uma lista com todos os produtos que você deseja comprar durante a Black Friday e salve tudo. Crie uma pasta na aba de favoritos apenas para as suas compras.

É mais um modo de poupar tempo e fica mais fácil acessar a página do produto diretamente, do que navegar por um site que possivelmente esteja lento por causa dos acessos.

Dica: Salve tanto o link da loja com o menor preço quanto a da que tem o maior, o lojista pode decidir reduzir o valor de última hora para ganhar mercado.

Horário das promoções

Anote o horário das promoções daquilo que você deseja comprar. Muitas vezes o lojista não deixa os produtos em promoção durante todo o período da Black Friday, você deve ficar atento a isso.

Aproveite para abrir uma aba do navegador nesse produto alguns minutos antes da promoção, então dê um F5 no horário de início. Assim o computador já pegou o cache da página e carregará mais rápido.

Isso só não vai funcionar se o layout da loja mudar completamente na hora em que a promoção entrar em vigor.

Política de devolução

É importante que você conheça a política de devolução da loja antes de fazer qualquer compra na Black Friday. Principalmente se vai comprar roupas ou móveis.

Pode ser que aquele sapato não sirva ou que o guarda-roupa não caiba no quarto. Nesse caso, saber sobre a política da loja ajuda a não ter incomodações futuras.

Essa informação sempre está disponível no site, mas caso não queira ler a documentação, pode ligar para um atendente e perguntar como funciona.

Segurança da loja

Com certeza você não quer ser vítima de uma fraude na Black Friday. Então existem alguns pontos que você precisa verificar antes de confiar em uma loja virtual.

Veja se tem um Certificado SSL, aquele cadeado verde ao lado da URL. Ele garante a segurança da conexão entre você e o site, impossibilitando que alguém roube seus dados.

Consulte a reputação da loja no ReclameAQUI, aqui você terá uma boa noção de como ela lida com diversas situações. Produtos com defeito, devolução e tempo de entrega, são coisas que você consegue identificar.

Rumo às compras

Bem, essas são as dicas que separei para você lojista e consumidor. Espero que ambos consigam se preparar para esse dia incrível de promoções.

A cada ano que passa a Black Friday cresce mais e mais no Brasil. Como já era de se esperar, mais lojas pretendem participar esse ano, por isso lembre-se de todas as dicas que te dei.

Se você gostou deste conteúdo, peço que ajude mais pessoas a saberem quando é a Black Friday e como se preparar, compartilhando este artigo com seus amigos.

Caso tenha alguma dúvida sobre o assunto, por favor deixe seu comentário que terei o prazer de conversar com você a respeito.

Um grande abraço e até a próxima!