Um site fora do ar é o grande pesadelo de todos aqueles que dependem do digital para alavancar os seus negócios.

Seja você um e-commerce, um blog, ou qualquer outro tipo de site, uma coisa é certa: você quer que o seu site esteja disponível 24 horas por dia. 

A dura verdade, no entanto, é que um site pode ficar fora do ar por diversos motivos – e muitos deles podem nem depender de você. 

Manutenção dos servidores, URL incorreta e erros de programação são apenas alguns exemplos de problemas que podem tornar o seu site indisponível. 

Se você quer aprender os motivos pelos quais um site fica fora do ar, como testar a disponibilidade do seu site e como corrigir estes problemas sem precisar de um suporte técnico avançado, este artigo é para você. 

Por que meu site está fora do ar?

Você digitou a sua URL, clicou em enter e… nada. 

Este pode ser um momento de tensão, afinal, quem sabe quantos acessos você está perdendo enquanto o seu site fica indisponível. 

Apesar disso, é importante notarmos que os motivos pelos quais um site pode ficar fora do ar são inúmeros, afinal, manter um site online é um trabalho que depende de muitas variáveis. 

Ainda que o problema possa parecer grande, a maioria dos sites ficam fora do ar por razões fáceis de serem consertadas, ou motivos que fogem completamente do seu controle. Vamos falar um pouco mais sobre elas nos tópicos a seguir: 

Domínio expirado

Um dos primeiros passos para colocar um site no ar é fazer o registro de domínio. Nesse processo, você paga uma determinada quantia para que aquele endereço na web seja exclusivamente seu, e que ninguém mais possa usá-lo.

Essa, no entanto, não é uma compra que se faz uma vez só. 

O uso de um domínio depende da renovação, que acontece em ciclos que podem ser anuais, semestrais ou mensais. 

No geral, empresas de registro costumam enviar e-mails com lembretes quando a data de expiração se aproxima. Mas, ainda assim, é possível que estas comunicações passem despercebidas e, consequentemente, você perca o acesso àquele domínio. 

Isso quer dizer que você perde o seu domínio uma vez que ele expira?

Não necessariamente. 

Alguns domínios ficam congelados por determinado período de tempo após a expiração. Isso te dá a chance de realizar o pagamento novamente e evitar que outra pessoa faça o registro do endereço. 

Leia também: Como comprar um domínio na internet [Passo a passo] 

site fora do ar

Problemas de programação do site

Os problemas na programação são uma das principais razões para deixar um site fora do ar. Isso é ainda mais comum em sites escritos em linguagens de programação dinâmicas, como o PHP.

Os erros fazem com que algumas páginas não carreguem como o esperado, dando a sensação de que o site está, de fato, fora do ar. 

É claro que erros como estes não acontecem espontaneamente. Sites costumam ter erros de programação quando ocorre alguma alteração em seu código-fonte.

Sites que usam o WordPress, ou qualquer outra plataforma que permita a implementação de plugins também podem sofrer com o problema. 

Configurações do servidor erradas

Você sabe qual o papel dos servidores em manter o seu site online? Eles nada mais são do que máquinas dedicadas a hospedar sites e, eventualmente, precisam ser configurados para manter o bom funcionamento. 

Infelizmente, determinadas mudanças no servidor podem contribuir para erros que deixam o site fora do ar, principalmente quando são feitas de maneira incorreta.

Saber se um erro foi causado por uma configuração incorreta de servidor é um processo relativamente fácil, uma vez que uma página de erro é exibida com o código de erro 500 ou similar.

Ocorrência de loops de redirecionamentos

O loop de redirecionamento acontece quando há mais de um redirecionamento de URL para uma mesma página. 

Vale lembrar que nem sempre o problema com o loop de redirecionamento está, necessariamente, no site. O problema também pode ser causado, por exemplo, pelo navegador usado. 

Como saber se seu site está fora do ar

Como falamos alguns tópicos acima, existem muitos elementos que podem culminar em um site fora do ar. Nem todos eles são graves, ou permanentes, mas é importante saber a razão para que você possa tomar as medidas mais adequadas e colocar o site no ar novamente. 

A seguir, preparamos uma checklist com alguns dos pontos mais importantes a serem analisados durante o diagnóstico de um site fora do ar. Veja só:

  • Verifique sua conexão com a internet: Tenha certeza que você está conectado a rede. É só o seu site que está fora do ar ou outros sites também não estão abrindo? Se não é só o seu site, verifique a sua conexão.
  • Certifique-se que o nome do domínio está correto:  Tenha certeza que você está digitando o seu domínio corretamente, apenas um caractere diferente é o suficiente para o seu site não carregar.
  • Verifique se o pagamento do domínio está em dia: Se o domínio não for renovado por um certo período, a sua aplicação pode ficar indisponível. Depois de determinado tempo sem a renovação, o seu domínio pode ficar disponível para que outra pessoa o registre, fazendo com que você perca o acesso permanentemente. 
  • Acesse o painel de controle de sua hospedagem: Geralmente em caso de uma instabilidade geral, você será notificado no painel do cliente de sua hospedagem ou por e-mail.
  • Veja a quanto tempo sua aplicação está fora do ar: Muitas das vezes, quando um site fica offline pode ser por conta de alguma instabilidade momentânea, que pode durar por volta de 2 a 10 minutos.

Leia também: O que avaliar para escolher a melhor hospedagem WordPress? 

site fora do ar

Site fora do ar: teste por ferramentas

Para ter certeza que o seu site está fora do ar, você pode usar ferramentas como o Down for Everyone or Just Me que irão te informar do atual status do seu site.Essa, é claro, não é a única ferramenta do tipo. O  Is It Down Right Now também faz uma análise rápida da disponibilidade de sites e pode ser uma forma segura de determinar se o seu site está fora do ar.  O DownDetector também desempenha a mesma função.

Teste pelo prompt de comando com comando ping

Você pode também testar a sua conexão com um endereço de IP ou domínio usando o comando ping no Prompt de Comando do Windows ou no Terminal do Mac. Para isso você deve:

  • Pressione Windows + R (no Windows) ou Command + Espaço (no Mac);
  • Busque por: CMD (no Windows) ou Terminal (no Mac) e clique Enter;
testando se o site está no ar pelo CMD no Windows
  • Feito isso digite o seguinte comando:

ping seu_dominio.com.br

C:\WINDOWS\system32>ping saninternet.com.br

Disparando saninternet.com.br [142.44.145.45] com 32 bytes de dados:
Resposta de 142.44.145.45: bytes=32 tempo=188ms TTL=52
Resposta de 142.44.145.45: bytes=32 tempo=191ms TTL=52
Resposta de 142.44.145.45: bytes=32 tempo=191ms TTL=52
Resposta de 142.44.145.45: bytes=32 tempo=188ms TTL=52

Estatísticas do Ping para 142.44.145.45:
Pacotes: Enviados = 4, Recebidos = 4, Perdidos = 0 (0% de
perda),
Aproximar um número redondo de vezes em milissegundos:
Mínimo = 188ms, Máximo = 191ms, Média = 189ms

Este comando irá te mostrar se a sua conexão com o IP do seu site está funcionando corretamente.

Ao analisar em Estatísticas do ping os relatórios de pacotes enviados, recebidos e perdidos, você conseguirá ver se o seu site está tendo comunicação com seu computador.

A comunicação estará ok quando todos os pacotes enviados forem recebidos. Caso todos sejam perdidos, há algo acontecendo na sua internet ou até mesmo em seu site.

Mas caso isso ainda não seja o suficiente, tente entrar em contato com algum dos seus amigos e veja se ele consegue ou não acessar o seu site.Você também pode gostar de: Extensões de domínio: o que é e quais são?

Meu site caiu… E agora, o que fazer?

Se, depois de todos esses testes, você determinar que realmente o seu site está fora do ar, existem alguns cuidados que precisam ser implementados para que o problema seja revertido. 

O primeiro passo é esperar um pouco e tentar se conectar em outra hora. Boa parte das vezes, essas instabilidades são passageiras. Procure pelo seu site no Google e tente entrar nele diretamente da página de resultados. 

Se você estiver utilizando um VPN, ou plugins em seu navegador, desconecte-se e desligue todos os recursos adicionais. Alguns destes elementos podem impactar a performance do seu site. 

Se tudo falhar, entre em contato com a empresa responsável pelo desenvolvimento do seu site, ou com a empresa que o hospeda. Eles vão procurar a melhor forma de te informar sobre o problema e ajudarão a solucioná-lo.

Se você é cliente da SAN Internet e precisa de ajuda, abra um chamado com um Ticket de Suporte para podermos entender o que está acontecendo.

Como evitar que seu site fique fora do ar

Existem situações que provocam a queda do seu site das quais você pode evitar. Alguns comportamentos do usuário podem garantir a estabilidade do seu site, que são:

Manter o site e aplicação atualizados 

Desse modo seu site terá menos chances de possuir uma brecha de segurança e ser atacado por algum Hacker ou Malware.

Proteger o site 

Usando uma CDN como o CloudFlare, você impede que ameaças naveguem em seu site, permitindo apenas o tráfego de visitante e dos robôs dos motores de busca.

Prevenir-se 

Se você possuir um ambiente com monitoramento 24h por dia, isso irá te ajudar a identificar se os recursos do servidor estão se esgotando ou não, assim, você poderá tomar uma atitude antes que o seu site venha completamente abaixo. 

Essa solução pode estar inclusa em uma hospedagem gerenciada ou você pode contratar os serviços de um MSP.

Mantenha suas contas em dia

Caso você venha a esquecer de pagar alguns dos serviços que mantém o seu site funcionando é de se esperar que ele pare de funcionar. 

Se você deixar o seu domínio expirado por muito tempo é possível que ele seja registrado por outra pessoa. Em relação a hospedagem as perdas são maiores. Se não for feito o pagamento, todos os arquivos do site ficam comprometidos.

Evitar envio de Spams e entrar em BlackLists

Dependendo dos parâmetros do Data Center, sites infectados por Malwares tem o serviço cortado. Assim também para sites que estejam em Blacklists ou enviando SPAMS. Essa medida é tomada para não expor o servidor e os outros usuários a ameaças.

“A curiosidade matou o gato”

Não mexa nas configurações avançadas do seu servidor ou site, se você não sabe como fazer. Busque por orientações de pessoas qualificadas. Ou então esteja realmente ciente de como deve ser feito e que você é o responsável por suas ações.

Tenha um backup 

Isso não impedirá que seu site fique fora do ar, porém é muito importante tê-lo em dia para que caso suas informações sejam perdidas você ainda tenha uma cópia salva.

Conclusão

Neste artigo, nós explicamos alguns dos principais motivos pelos quais um site fica fora do ar, e quais as medidas que você pode tomar para fazê-lo ficar disponível novamente. 

Também mostramos algumas das ferramentas mais populares para detecção de sites fora do ar  e como utilizá-las para detectar problemas de disponibilidade.

De qualquer forma, é importante estar sempre alerta à disponibilidade de seu site, afinal, domínios instáveis podem ser penalizados de várias formas pelos mecanismos de busca, como o Google. 

Se você procura uma hospedagem de sites estável, com uptime do servidor acima da média e um suporte excepcional ao cliente, visite o site da SAN Internet. Somos especialistas na hospedagem de sites e compras de domínio.